Charging Bull

Um dos grandes sucessos de 2019 no Estúdio Delfos está de volta com uma novidade! A Nossa réplica Best Seller da obra “Charging Bull” do artista italiano Arturo Di Modica é relançada em tamanhos diferenciados! Com tamanhos de 15cm, 19cm, 40cm, 60 cm e 80cm ( esse último apenas sob encomenda). Agora você pode ter uma réplica realista em materiais nobre de umas das mais icônicas obras do Século XX em sua casa ou escritório!

“Charging Bull”, também conhecida como touro de Wall Street, é um marco da arte americana. A Escultura de Bronze localizada no parque público de Bowling Green, no centro financeiro da mais populosa cidade americana se tornou um ícone, gozando, entre os turistas, de uma relevância similar a outras atrações nova iorquinas como o Central Park, a Times Square e o Empire State Building.

A história da peça, autoria do escultor siciliano Arturo Di Modica, remonta ao ano de 1987. Naquele ano, mais precisamente na segunda-feira, dia 19 de outubro, o mercado de ações americanos quebrou, tendo seu pior resultado em um dia desde a crise de 1929. Di Modica que havia chegado aos EUA em 1970 sem nenhum dinheiro, sentiu-se na obrigação de transmitir uma mensagem de otimismo durante a crise. Por isso financiou todos os custos da confecção do Touro – avaliados em 350 mil dólares – e decidiu instala-la na cidade por conta própria. No dia 15 de dezembro de 1987 o italiano carregou a obra em um caminhão e a colocou debaixo de uma árvore de natal na Broad Street, em frente a Bolsa de Valores de Nova Iorque, durante a madrugada. A operação e a própria obra em si, foram feitas sem nenhum consentimento do governo local.

Na manhã do dia seguinte a polícia retirou a peça e a colocou em um galpão. Todavia, os moradores rapidamente tomaram ciência da situação e demandaram que a peça foi recolocada em exibição pública. O Departamento de Parques e Recreação de Nova Iorque cedeu e decidiu instalar o Touro a duas quadras da Bolsa, no Bowling Green – onde está até hoje. A obra pretendia ser inspiração para pessoas continuarem lutando, mesmo em momentos difíceis. Segundo Di Modica, “minha intenção era mostrar para as pessoas que, se você pretende fazer alguma coisa em um momento difícil, é possível. Da para ser si mesmo. Meu ponto é que você precisa ser forte.”

A peça tem 3,4 metros de altura por 4,9 metros de comprimento e pesa três mil e duzentos quilos. O Touro está em uma posição de ataque, pronto para desferir um ataque poderoso com seus longos chifres. O corpo musculoso impressiona e mostra a energia contida no animal e centrada para a região do ataque.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *